TERESINA
turismo-inovador-2024-rede-basil-inovacao-ecossistema-startups-esg-ia-aldo-rosa-ceo-palestrante-cnc-abav-feira-brasilia-df-expositores-4
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon

Desafio Turismo Gastronômico: Após o Pitch Day, EmbraturLAB divulga os três vencedores do concurso

Desafio Turismo Gastronômico: Após o Pitch Day, EmbraturLAB divulga os três vencedores do concurso

Desafio Turismo Gastronômico: Após o Pitch Day, EmbraturLAB divulga os três vencedores do concurso

‘Vibes’, ‘Janoo’ e ‘Vou prá lá’ foram as empresas selecionadas após a rodada de apresentação dos projetos; startup ‘A Pé’ ganhou na categoria ‘Menção Honrosa’

O EmbraturLAB divulgou os três selecionados do Pitch Day do 1º Desafio de Turismo Gastronômico. Das 47 startups de inovação inscritas, 10 participaram da rodada de apresentação e três foram selecionadas: além da menção honrosa concedida à empresa ‘A Pé’, o EmbraturLAB escolheu as startups ‘Vibes’, ‘Janoo’ e ‘Vou prá lá’.

A iniciativa, parceria entre o EmbraturLAB, laboratório de inovação da Agência, e o Turistech Hub foi lançada na Feira Internacional de Turismo (Fitur) 2024, em Madri, na Espanha. O objetivo é eleger empresas que proponham soluções para mapear e promover rotas e produtos turísticos gastronômicos no Brasil.

A coordenadora de Cultura e Gastronomia da Embratur, Ana Paula Jacques, afirmou que, a partir do resultado, a Agência já tem planos para que o projeto da primeira colocada seja inserido nas estratégias da Embratur.

“Durante o Pitch Day, pudemos conhecer as soluções apresentadas pelas dez startups selecionadas e chegamos nas três primeiras colocadas e uma menção honrosa. A Vibes, uma startup do Espírito Santo que venceu o desafio, apresentou uma solução que utiliza IA [inteligência artificial] para criar roteiros e experiências de turismo gastronômico personalizados e já estamos planejando as próximas para incorporar essa solução na promoção internacional e potencializar o Brasil como um destino de turismo gastronômico”, antecipou.

Para o gerente de Inovação da Embratur, Edivaldo Reis, o Desafio é uma oportunidade de promover a melhor experiência ao turista, utilizando a inovação.

“Buscamos soluções que possam proporcionar experiências autênticas e de qualidade aos turistas estrangeiros. As inscrições recebidas provam que a gastronomia brasileira tem bastante potencial para estar nas vitrines do turismo internacional”, afirmou.

Para o presidente da Embratur, Marcelo Freixo, a gastronomia brasileira cumpre um papel muito além do paladar: o de representatividade.

“Gastronomia é identidade. Ela representa a diversidade da cultura brasileira. Cada região, cada estado tem sua culinária, o que é um ativo central para atrair mais turistas”, ressaltou.

Conheça os projetos vencedores:

1º lugar
A startup Vibes faturou a primeira colocação com o projeto de um aplicativo que utiliza a inteligência artificial para oferecer recomendações personalizadas, baseadas nos gostos e preferências individuais dos usuários. Os prêmios serão o selo de ganhadora; um diagnóstico de negócio e framework desenvolvido pelo Turistech Hub para identificação de pontos de melhorias; oportunidade de conexão com potenciais parceiros e/ou clientes; descontos e/ou gratuidades em eventos promovidos pelo Turistech Hub, Embratur e parceiros; apresentação de case Embratur e Vibes em eventos do segmento, além de mentorias com o Turistech Hub e Embratur.

2º lugar
A Janoo criou uma plataforma (janoo.com.br) que conecta visitantes e gestores de atrativos por meio de um marketplace com mais previsibilidade no turismo de experiência. A partir das reservas online e a integração dessas informações com ferramentas de gestão, a plataforma fornece dados confiáveis para planejamento inteligente da visitação principalmente em áreas protegidas. Como prêmios pela segunda colocação, a Janoo receberá o selo de ganhadora; um diagnóstico de negócio e framework desenvolvido pelo Turistech Hub para identificação de pontos de melhorias e descontos e/ou gratuidades em eventos promovidos pelo Turistech Hub, Embratur e parceiros.

3º lugar
A startup Vou pra lá desenvolveu uma solução digital que vende pacotes de viagem personalizados e modulares com a flexibilidade de split de pagamento. A facilidade simplifica a compra de clientes que buscam por hospedagem, transfer, passagem aérea, tickets e experiências/passeios. O prêmio é idêntico ao da segunda colocada: selo de ganhadora; diagnóstico de negócio e framework desenvolvido pelo Turistech Hub para identificação de pontos de melhorias e descontos e/ou gratuidades em eventos promovidos pelo Turistech Hub, Embratur e parceiros.

Menção honrosa
A startup A Pé recebeu a menção honrosa do EmbraturLAB pela criação de uma plataforma que cria trilhas personalizadas, destacando as principais paradas culturais e gastronômicas das cidades. Além disso, a plataforma inclui um sistema de gamificação que revela rankings dinâmicos de restaurantes, bares, pratos e uma base de dados abrangente que assegura informações atualizadas. Como prêmio, a empresa receberá o selo de menção honrosa.